SERVIÇOS ONLINE

Notícias

Ver notícia

Nesta semana a Estação de Tratamento de Água – ETA Rio Jamari, recebeu uma visita técnica dos representantes do Conselho Municipal de Saneamento Básico – Comsab e integrantes do comitê técnico da Agência Municipal de Regulação – Amr. A iniciativa proposta pela Amr, buscou promover um diálogo entre a Águas de Ariquemes e os representantes, para compreenderem as ações nos sistemas de abastecimento do município.

Durante a visita, que foi dirigida pelo diretor-executivo da concessionária, Rafael de Miranda, integrantes do comitê técnico, conheceram as etapas que compõe o tratamento de água, com o responsável químico da empresa, Cleriston Santos.

Juliana Silveira, advogada, integrante do comitê, acompanhou e entendeu a importância de cada fase do tratamento da água e reconhece as melhorias significativas que a concessionária tem realizado desde a sua chegada na cidade. “É fato que a Águas de Ariquemes melhorou o abastecimento de água em poucos anos de atuação. E uma das responsabilidades do comitê técnico seguindo os parâmetros previstos no contrato de concessão é promover e proteger a integridade da população e quando necessário intervir para que a empresa melhore ainda mais os serviços que são oferecidos”, disse.

O presidente do Comsab, Glauco Rodrigo Kozerki, engenheiro ambiental, atuando há quinze anos e com ampla experiência em saneamento, explicou que a visita na ETA busca certificar que todas as normas para operação dos sistemas estão sendo realizadas, e lembrou que na estiagem do ano anterior o município não percebeu as pressões baixas no abastecimento. “O Comsab percebeu os apontamentos de falta de água em algumas localidades e viemos entender o que está sendo feito para sanar esta situação”, finalizou.

Rafael de Miranda, diretor-executivo da empresa, explica que a concessionária vem realizando conjunto de obras e melhorias nos sistemas de abastecimento programadas para atender os moradores no período de estiagem, que este ano está mais severa. O ar seco, poeira, somado as orientações sanitárias para permanência em casa, tem aumentado o consumo de água de modo significativo. “Estamos atuando 24h para melhorar ainda mais o abastecimento, realizamos obras de interligações nos sistemas de rede, instalamos registros, macromedidores, ações que geraram resultados positivos e já estão sendo percebidos. Lançamos ainda, campanhas educativas nas redes sociais para que a população evite o desperdício de água, faça consumo consciente”, disse.

Ainda segundo Miranda. “A população ariquemense tem entendido a importância e os benefícios que a água tratada traz para a saúde, reforçamos o nosso compromisso e respeito em manter a cada dia uma prestação de serviço segura e eficaz”, finalizou.

“Sabemos o empenho da Águas de Ariquemes, estamos acompanhando as ações que estão sendo feitas, vale lembra que sempre que a AMR apresenta alguma situação a concessionária atende, com respostas e melhorias”, disse Simone da Costa, diretora-presidente da Agência Municipal de Regulação.

MAIS SAÚDE PARA POPULAÇÃO – Atualmente a Estação de Tratamento de Água de Ariquemes é uma das mais modernas do Estado, com painéis automatizados que indicam em tempo real os níveis e volumes de água que são captados, tratados e distribuídos, bem como os índices de potabilidade que são monitorados 24h. A concessionária diariamente trata 25 milhões de litros de água.

A água que é abastece os imóveis, passa por um rigoroso controle de qualidade, análises assegurando a potabilidade da água acontecem de hora em hora. São analisados a cor, ph, turbidez e ainda análises físico químico da água, bacteriológico, os resultados atende os padrões exigidos pelo Ministério da Saúde, de acordo com a portaria de consolidação n° 5 de 28 de setembro de 2017 que mensalmente são auditadas pelo laboratório credenciado de Porto Velho e pela Vigilância Sanitária Municipal.

A concessionária além de tornar a água potável, própria para consumo, com a dosagem dirigida do cloro para desinfecção,  ela adiciona flúor, iniciativa que coloca Ariquemes no ranking dos municípios que trabalham para promoção da saúde pública e desenvolvimento sustentável. De acordo com o parecer técnico cientifico do Ministério da Saúde, a fluoretação possibilita uma redução em até 65% de incidentes de cárie, que se realizada de modo continuo e regular, reflete positivamente na propagação da saúde dos munícipes que são atendidos com água tratada.

Para mais informações acesse www.aegearo.com.br 

Compartilhar:

Veja Também

Comunicados Saiba mais
Comunicados

Contato Saiba mais
Contato

A Aegea RO oferece um canal de comunicação eficiente. Entre em contato conosco.

Responsabilidade Social Saiba mais
Responsabilidade Social

A atuação social e ambientalmente responsável faz parte da nossa história e do nosso propósito.

Esgotamento Sanitário Saiba mais
Esgotamento Sanitário

A Aegea RO trabalha 24h por dia para ampliar e melhorar o saneamento nas cidades onde atua.