SERVIÇOS ONLINE

Notícias

Ver notícia

Em Rondônia, o período de estiagem que inicia em junho e finaliza meados de setembro, somado a ações para evitar a contaminação da Covid-19 tem feito com que o consumo de água aumentasse de modo bem significativo este ano. Buscando evitar o desperdício e refletindo sobre o uso inteligente deste recurso natural, as concessionárias intensificaram as obras e ações de melhorias nos sistemas de captação, tratamento e distribuição de água e ainda reforçaram as dicas sobre consumo consciente.

Rolim de Moura é uma das cidades mais quentes do Estado, o entorno composto por grandes fazendas e agricultura familiar, o que favorece para que ocorra mais queimadas, deixando o clima ainda mais quente e seco. A concessionária tem intensificado as ações para que o abastecimento continue de modo continuo. As captações receberam substituições de equipamentos, manutenções nas bombas e reservas frias, ações que trazem segurança na vazão. A ETA recebeu novas diretrizes para que as manutenções e manobras que acontecem diariamente, como lavagem dos filtros sejam em novos horários, mantendo os níveis dos reservatórios. No sistema de distribuição, foram instalados novos registros para setorização dos bairros e data loggers para medir as pressões.

No combate as perdas, o geofonamento tem o principal papel, mapeando as ruas e encontrando vazamentos invisíveis e irregularidades. “Estas ações e investimentos fazem parte dos conjuntos de obras e melhorias já programadas para enfrentarmos o período de estiagem, que este ano chegou mais cedo. Estamos atentos 24h e vislumbrando novas ações para manter o abastecimento. Vale lembrar que estamos com varias implantações de redes e solicitações de ligação nova, a população conta conosco. Pimenta Bueno é uma unidade mais madura, está mais fácil programar e atuar neste período seco, porém sempre atentos ao nível do rio e aos distritos que abastecemos. Estamos aqui para servi as cidades da melhor forma”, contou Priscila Sonda, coordenadora regional das unidades de Rolim de Moura e Pimenta Bueno.

Em Ariquemes, as atenções estão nos sistemas de distribuição para combater as perdas, com um super aliado, o geofone. Tamara Fideles, coordenadora regional, conta que em uma semana foram encontrados os dois vazamentos de grandes intensidades nas galerias de drenagem, em Ariquemes e Buritis. “Em nossos sistemas de monitoramento, percebemos em Buritis que o nível estava caindo muito sem motivos aparentes e em Ariquemes uma região composta por 5 bairros estava sofrendo com o desabastecimento. Então buscamos a tecnologia de geofone para encontrar. Ações simples, mas que neste período de seca com o consumo maior podem refletir de modo negativo. Para equalizar o abastecimento mantendo as pressões, durante a madrugada estamos realizando manobras nos registros, ação possível graças a setorização dos bairros. Lançamos uma campanha de uso inteligente da água, nas redes sociais e realizamos entrevistas com várias dicas. A população deve ter esta consciência, uso racional desde recurso natural tão importante”, contou.

 

Compartilhar:

Veja Também

Contato Saiba mais
Contato

A Aegea RO oferece um canal de comunicação eficiente. Entre em contato conosco.

Quem Somos Saiba mais
Quem Somos

A Aegea RO é responsável pelos serviços de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto em 4 cidades de Rondônia.

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Aegea RO e saiba mais sobre abastecimento, obras, programas e projetos.

Revista Aegea Saiba mais
Revista Aegea

Faça o download da Revista Aegea e fique por dentro das novidades que acontecem na empresa.